4 lugares (e várias dicas) pra viajar com mãe

4 lugares (e várias dicas) pra viajar com mãe

6 de Maio de 2018 Sem categoria 0
hóspede viaja com mãe

A francesa Mathilde viaja com mãe e visitou Belém

 

Ah, viajar com mãe. A gente já falou sobre isso no relato de viagem com a mãe até o Ceará, contado por uma das integrantes da nossa equipe, lembra? É, a gente adora viajar. E, então, por isso, nesse ritmo, resolvemos listar alguns lugares que vieram à mente quando se pensa em viajar com mãe.

Aqui você vai encontrar algumas ideias não só sobre destinos – listamos 4 deles -, mas sobre como defini-los com sua mãe ou sem ela (se quiser fazer surpresa) – o que vai demandar um bom conhecimento sobre essa pessoa especial.

Aqui você sabe mais sobre: viagem com mãe, destinos brasileiros, dicas de roteiro

 

Antes de tudo, conheça sua mãe

O que sua mãe gosta de fazer? Se você não mora com ela, vai ser mais difícil descobrir, mas você pode começar pelos hobbies e hábitos dela. Convide-a para dar um passeio em uma noite e peça para que ela escolha o destino, é uma boa forma de conhecer.

Depois disso, descubra o tipo de comida que a agrada. Não confie muito nas lembranças – os gostos das pessoas mudam com o passar do tempo. Então, sabe aquele passeio à noite? Aproveite pra convidá-la a um jantar e deixe que ela escolha.

Durante o passeio, ouça, apenas ouça. Viagem com mãe tem dessas. Peça para que ela conte histórias, como foi o dia e o que ela gostaria de ter feito para descansar um pouco mais. Cada mãe tem um perfil – na verdade cada pessoa é de um jeito – cabe a você respeitá-lo e aderir a ele na hora dessa, digamos, pesquisa.

 

Saiba criar um roteiro

Você já passou um tempo com sua mãe – tenha sido em um jantar ou um domingo inteiro de passeio. Agora já fica mais fácil pensar num destino para levá-la, caso queira fazer uma surpresa.

Na hora de montar o roteiro, o primeiro item que você deve pensar, claro, é o destino. Pesquise sobre ele, especialmente se sua mãe já tiver uma idade, não vale a pena investir em algo que não vai ser legal para a saúde dela. Ir a Ouro Preto, com todas aquelas ladeiras, para uma pessoa que tem questões com as articulações, por exemplo, demandaria um carro. Use de estratégia.

Agora, a época também é outro quesito a ser levado em consideração – está muito distante da data de decisão? Isso vai definir coisas como preço de passagem, necessidade de tipos especiais de roupa. Atenção a esse ponto.

A hospedagem vai de acordo com o tipo de trip sua mãe e você curtem, mas a dica é: reserve com antecipação, de preferência, junto com a compra da passagem. Já pensou ter a passagem e não ter onde ficar no destino? Você pode ler sobre como escolher a sua hospedagem ideal.

 

Destinos para viagem com mãe

 

Se sua mãe curte grandes cidades – São Paulo SP

Quando se pensa em megalópole no Brasil, se pensa em São Paulo. A cidade não para, tem muito do que fazer – a todo momento – para todos os gostos. Mesmo se você mora em São Paulo, a gente recomenda: vá a São Paulo, se sua mãe gosta de urbanidades. Redescubra a cidade.

Explore os museus:

MASP (Museu de Arte de São Paulo): tem no acervo nomes como Renoir e Rembrant. Av. Paulista, 1578, Bela Vista. Funcionamento: segunda a domingo das 10h às 18h; quinta-feira das 10h às 20h

Museu do Futebol: se sua mãe gosta do esporte que é arte no Brasil, é uma ótima opção. Praça Charles Miller, s/n, Pacaembu. Funcionamento:: terça a sexta das 9h às 16h; Sábados, domingos e feriados das 10h às 17h

MAC (Museu de Arte Contemporânea): Um dos principais pontos artísticos da cidade. Avenida Pedro Álvares Cabral, 1301, Ibirapuera. Funcionamento: terça das 10 às 21h; quarta a domingo das 10 às 18h

Museu Afro: É o primeiro no país com o tema. Tem fotografia, música, dança.  Av. Pedro Alvares Cabral, s/n, Parque Ibirapuera – próximo ao Portão 10. Funcionamento: terça a domingo das 10h às 17h.

Em São Paulo você vai comer muito bem e com variedade impressionante. São muitas culturas convivendo. Vá à Liberdade e aproveite a cultura orienta. Se quer algo mais cosmopolita vá à franquia do Eataly, um mercado italiano bem moderno, em que você pode, além de jantar e almoçar, fazer compras.

Querem dar uma volta à noite? São Paulo acontece na Paulista e, para as mães mais alternativas, na Augusta.

 

Se sua mãe gosta de calmaria – Tiradentes MG

Cidade que está no Ciclo do Ouro no Brasil, ótima para fotografar, caminhar, pensar na vida. Tiradentes está na maior rota turística do país, o Circuito Estrada Real.

Você está em Minas Gerais, ou seja, comida boa não vai faltar: leve sua mãe para restaurantes típicos, provem os doces.

As igrejas e museus são parada obrigatória. São passeios cheios de história e arquitetura encantadora.

Não deixe de aproveitar o passeio de trem que liga Tiradentes a Mariana, na agradável Maria Fumaça. Conheça muito mais sobre Tiradentes no nosso post 4 destinos imperdíveis no Brasil.

 

Se ela quer o que está em alta – Belém PA

Belém é a capital que caiu no gosto dos brasileiros ultimamente. Ponto já considerado importante em roteiros de quem vem de fora do nosso país, agora Belém anda mais brasileira que nunca.

E não é pra menos: a cidade é uma mistura de cultura, história sabores incríveis, natureza e urbanidade. Se sua mãe quer conhecer o lugar que está em alta, não precisa nem pensar duas vezes.

Aproveite para conhecer os rios amazônicos: Belém é uma metrópole cercada por rios e você nem sua mãe precisam ser aventureirxs pra se jogar numa aventura! Experimentem atravessar o Rio Guamá para almoçar na Ilha do Combu, são apenas 20 minutos de travessia.

A cidade é uma aula de história e você pode visitar pontos como o Forte do Castelo (que foi a entrada da cidade), a Basílica, um dos principais pontos do Círio, uma procissão religiosa que leva 2 milhões de pessoas à cidade.

Conheça os passeios em Belém que você deve fazer na cidade.

Sobre comer em Belém, provavelmente é um dos pontos do país em que você mais vai se surpreender. De folha que dá uma leve dormência na boca a peixes de quase 2 metros com a carne mais suculenta do mundo, passando por açaí e pimentas deliciosas. Sério: comer em Belém é uma viagem a parte.

 

Se ela quer o inexplorado – Marajó PA

Caso você opte por Belém, estenda um pouco e vá para o Marajó. É uma experiência encantadora. Mesmo que não esteja em Belém, para chegar ao Marajó, caso opte por avião, você descerá em Belém para, depois, seguir.

A Ilha do Marajó é a maior ilha fluvio-marítima do mundo. Tem 12 cidades para você visitar, sendo Soure e Salvaterra as que têm a melhor estrutura.

Por falar em estrutura, as cidades têm esse quesito apresentado de forma bem modesta. Você vai ver que é como se fosse uma viagem de aventura algumas vezes e para relaxar em outras. É tudo muito diferente, cheio de “desafios”naturais, mas sempre em um clima ameno.

Se sua mãe gosta do inexplorado, ela vai adorar conhecer a cerâmica mais antiga do país, a cerâmica Marajoara. E vai adorar saber, também, que a população de búfalos do local supera a população humana! Incrível, né?

Inclusive, essa quantidade de búfalos no local garante uma culinária que vocês só vão provar lá: leite de búfala, queijo de búfala e a carne do animal são iguarias fan-tás-ti-cas. Claro que não é só isso: tacacá, açaí, camarão, filhote (um delicioso peixe regional)…tudo da culinária paraense típica tem no Marajó também.

A revoada dos Guarás, a contemplação de população de búfalos e a visita ao Museu do Marajó são alguns dos pontos que não podem faltar na sua trip. A gente falou mais sobre o Marajó no nosso post 4 destinos incríveis para conhecer no Brasil.

 

E aí? Já decidiu pra onde vai levar sua mãe? Com certeza, pra qualquer lugar que vocês forem, com qualquer roteiro que escolherem, muitas histórias pra contar vão aparecer. Se quiser conhecer mais sobre um das nossas dicas de destino, Belém, você pode conhecer 9 dicas muito especiais pra quem vai conhecer a capital do Pará.

 

Deixe uma resposta