Onde ficar em Belém?

Onde ficar em Belém?

15 de maio de 2018 Sem categoria 0
onde ficar em belém

 

 

Malas prontas pra Belém, verba separada, tá na hora de decidir onde você vai se hospedar. A decisão de onde ficar em Belém vai, claro depender do objetivo da sua viagem. Mas, de uma forma geral, mesmo que você esteja viajando a trabalho, por exemplo, visitar alguns pontos turísticos da capital do Pará não vai ser nem um pouco ruim, né verdade?

A gente se baseou em algumas características e “dividiu” Belém em 4 áreas principais pra você escolher que lugar cabe melhor no seu roteiro, que, or falar nisso, deve estar cheio de pontos turísticos que você quer visitar. Vem nessa trip.

 

Próximo ao Aeroporto

Quem vai ficar em Belém por 1 dia, passagem rápida, em compromisso de trabalho, por exemplo, pode pensar seriamente em ficar perto do aeroporto da cidade. É uma questão de logística: desembarque – compromisso- voltar pra hospedagem-embarcar.

Se você optar por ficar nessa área, encontra hospedagem em Belém por um preço acessível. Caso precise de algo mais urgente, nos arredores do aeroporto – 5 a 10 minutos de carro, pode encontrar o Shopping Bosque Grão-Pará.

Não é uma área com atrações turísticas, mas tem condução para o centro da cidade em frente ao aeroporto mesmo. É bem funcional se o seu caso for “visita mega rápida”.

Pra quem: quem está passando rapidamente pela cidade ou vai fazer escala longa

Bairros da área: Marex, Parque Verde

Visite: Shopping Bosque Grão-Pará

 

Próximo à Rodoviária

Quem vem a Belém para ir ao interior por meio de ônibus está bem servido ficando próximo à rodoviária. A área não é tão distante do centro quanto a área do aeroporto, mas não é tão próxima.

A Rodoviária de Belém fica na Av. Almirante Barroso, uma avenida que liga as áreas centrais à Rodovia BR. Então, caso o seu pensamento seja ficar num lugar estratégico para ir a lugares do interior, ou mesmo para outros estados, de ônibus, pode ser uma boa solução.

No entanto, se escolher sua hospedagem em Belém nessa área, você não ficará próximo a muitos pontos turísticos, a não ser o monumento da Cabanagem (ao fim da Avenida) os estádios dos dois principais times da cidade (Remo e Payssandu) e do Bosque Rodrigues Alves.

Pra quem: para quem vai usar Belém como parada estratégica para outros lugares a ir de ônibus interestaduais.

Bairros da área: Canudos, São Brás, Guamá

Visite: Av Magalhães Barata ou a Rômulo Maiorana. São duas grandes vias da cidade que são um bom exemplo dos “corredores de mangueiras” que a cidade tem. Andando 2 km pela Av. Magalhães Barata (saindo da rodoviária), você chega à Basílica de Nazaré.

 

Próximo às baladinhas

Se você vai ficar um tempinho a mais na cidade é bom ficar em uma hospedagem em Belém mais próxima ao centro. A área conhecida como Umarizal – cuja principal rua é a Doca, ou Visconde de Souza Franco, é recheada de opções de entretenimento, além de ser uma área um pouco mais nobre da cidade.

Ela está na interseção entre Centro e as ruas e avenidas que levam ao aeroporto, por exemplo.

Se você resolver ficar nessa área divisória, estará bem servido de bons restaurantes, barzinhos, opções de festas. Além disso, tem um shopping – Boulevard Shopping – caso você precise. 

É também uma boa área para pegar a estrada quando estiver atrasado pra pegar o voo: a Av Pedro Álvares Cabral – um dos principais caminhos para chegar ao aeroporto – começa bem no finalzinho da Doca e a Duque de Caxias -outra via de saída –  está bem próxima também.

Pra quem: para quem quer dar prioridade a entretenimento à noite.

Bairros da área: Umarizal, Campina

Visite: hamburguerias como a famosa Porpino ou locais abertos como a agradável Praça Brasil

Quer saber como decidir sua hospedagem? A gente separou alguns pontos pra você avaliar.

 

Próximo aos pontos turísticos e mais

Bem no centro de Belém fica o que se chama de área do Comércio. Se você for dar prioridade a todos esses itens anteriores mais os principais pontos turísticos da cidade, melhor escolher uma hospedagem em Belém que fique nessa área.

A área central da cidade tem pontos turísticos famosíssimos como o Ver-o-Peso, a Estação das Docas, o Mangal das Garças, a Catedral da Sé, a Basílica…ufa! As áreas verdes de Belém também estão nessa área central e pontos que não são tão famosos – e deveriam estar no seu roteiro – também.

Nessa área você também fica próximo a portos e fica mais fácil viajar pelos rios ou apenas atravessar para a Ilha do Combu, por exemplo.

Conheça aqui como viajar de Belém à Ilha do Marajó.

Mesmo se você estiver de passagem rápida, é uma boa: como há muitas opções de entretenimento e pontos históricos e turísticos, dá pra escolher pelo menos um pra ver! Algumas partes dessa área central são especialmente estratégicas: ficam próximas – ou têm condução direta – às vias de saída para chegar ao aeroporto e à rodoviária.

Pra quem: para quem quer conhecer os pontos turísticos da cidade, aproveitar

Bairros da área: Umarizal, Campina, Batista Campos, Nazaré

Visite: As praças para apreciar a natureza, os portos para se jogar nos rios, a Av. Braz de Aguiar e os shoppings pra fazer comprinhas, a Praça da República aos domingos, o Ver-o-Peso (Veropa, para os mais íntimos).

 

O Belém Hostel, por exemplo, fica a alguns minutos da Av. Pedro Álvares Cabral – que citamos acima -, ao lado da Av. Presidente Vargas que tem condução direta para a rodoviária. Além disso, fica ao lado da Praça da República, a alguns minutos da Praça Batista Campos, do Ver-o-Peso, da Doca, dos dois principais shoppings da cidade.

Veja aqui em quanto tempo você chega a cada ponto turístico saindo do Belém Hostel.

Saiba também as vantagens de se hospedar em um hostel.

Já está chegando e precisa saber mais sobre a cidade ou hospedagem em Belém? Perde tempo, não: nossa recepção pode ajudar – só perguntar por aqui.

 

Deixe uma resposta